AP-RBMAHubPorto09021104low.jpg

Depois de uma sofisticada fase de aquecimento, chegaram finalmente os primeiros participantes! Espalharam-se um pouco por toda a parte para conhecer o Red Bull Music Academy - Porto Hub, sem pudor, nem inibição.

Entretanto, sorrateiramente, mas despertando a curiosidade de todos, Eurico Cebolo fez-nos uma visita. Travámos um bocado de conversa no sofá, juntamente com outros participantes e em menos de 10 minutos, já sabíamos mais um pouco sobre a vida………. Este é um momento a reter e que conta muito sobre o que se passa aqui no cool heart da Academia, num mesmo sofá, três gerações de músicos, de diferentes abordagens a dialogarem. Encaminharam este nosso amigo para a Lecture Room e, pouco tempo depois, a sala encheu-se para ouvir um Om'Mas Keith vestido a rigor, de forma estrondosa.


Começamos por ouvir a música dos seus Sa-Ra Creative Partners, enquanto o conferencista agitava-se em moves cheios de groove. Falou-nos da música como algo que necessita para respirar e de como esteve sempre envolvido com ela. Ouviram-se temas marcantes da sua adolescência e resumiu-nos a sua carreira – sempre com um sorriso imparável – para nos contextualizar com o presente.
Avançou, de seguida, para o teclado para concluir, a solo, uma música do seu colectivo, discernindo um pouco sobre o valor musical do suporte físico e acabou a lecture a cantar em português com sotaque brasileiro.

Os activistas presentes reuniram-se à volta da "mesa das máquinas" para operarem os beats e as basslines incontáveis que as MPC's lhes ofereciam, numa jam livre, sem regras.

Este show de improvisação colectiva – que carimba o estilo da academia – serviu de digestivo para o que seguiria no Passos Manuel. Este local de culto da noite do Porto encheu-se para assistir ao show case da Reactable, conduzido por DJ Carles. Foram 30 minutos de manipulação e síntese sonora criadas numa mesa interactiva que armadilharam as colunas da sala com curto-circuitos rítmicos e harmonias em sobrecarga, devidamente disparados para a plateia.

Ainda com alguns cartuchos no bolso, Serial sai do auditório, lança-se à cabine do bar e distribui uma boa dose de Hip-Hop para apreciadores, sem pretensões.

Ainda com estrelas no céu, Om'Mas Keith encheu a pista de dança com as suas boas vibrações, deixando o Passos Manuel repleto de festa, ao som de tudo e mais alguma coisa, tendo como única directriz aquela coisa tão fundamental para as nossas ancas: GROOVE, BABY!

Para hoje, para daqui a pouco, Tó Zé Brito abre a sessão das lectures, que vai contar também com Appleblim. O mesmo que de madrugada no Plano B, brilhará na constelação de estrelas – inclui ainda o projecto Hit+Run, Oker e Buckskins – que a Red Bull Music Academy – Porto Hub oferece à cidade.
 

www.redbullmusicacademy.com

Detalhes